domingo, junho 11, 2017

Antes de Apolo - Rainer Maria Rilke - Tradução Eric Ponty



Karl und Elisabeth von der Heydt in Freundschaft
Quão muitas vezes pelo meio ainda sem folhas
De Ramos uma manhã pelo feitio, da muita
Pela Primavera está: nele estando em sua cabeça
Nada poderia impedir este o seu brilho.

Todos os poemas que nos encontrarmos são
Quase fatais; porque nenhuma sombra está seu olhar,
Muito bom para Laurel ainda são seu templo
E só mais tarde está fora da vista escura.

Altivo originou o ascensor jardim de rosas,
A partir das quais as folhas, arrebentadas
Protegidas, induzirá longe no terremoto boca.

Agora ainda é silencioso, e pisca sem correr
De beber algo e só feito com o de seu sorriso
Como ele se o inspirou-se neste seu canto.
Tradução Eric Ponty

Nenhum comentário: